Barra

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Vem aí mais um Encontro Nacional de Educação Matemática!



O Encontro Nacional de Educação Matemática - ENEM, é um dos eventos mais importantes da área, em âmbito nacional porque congrega o universo dos segmentos envolvidos com a Educação Matemática: professores da Educação Básica, professores e estudantes das Licenciaturas em Matemática e em Pedagogia, estudantes da Pós-graduação e pesquisadores. 
Nesta edição, o evento acontecerá em Cuiabá - MT nos dias 14 a 17 de Julho de 2019 e, buscando contribuir com o avanço das discussões da Educação Matemática brasileira, a Comissão Organizadora do XIII ENEM, constituída pela SBEM-MT sugeriu uma temática sobre a importância da escola de Educação Básica no âmbito da Educação Matemática. Dessa maneira, para o XIII ENEM, em colaboração com a Comissão Científica, foi estabelecida a temática "Educação Matemática com as Escolas da Educação Básica: Interfaces entre pesquisas e salas de aula".
Os trabalhos serão submetidos em três eixos: Práticas Escolares, Pesquisa em Educação Matemática e Formação de Professores. Espera-se que as discussões a partir de comunicações científicas, relatos de experiências, pôsteres, minicursos, palestras, conferências, mesas redondas e Feira de Matemática possam contribuir, dentre outras esferas, com os processos de ensinar e de aprender matemática nas Escolas da Educação Básica do Brasil.

Para mais informações, acesse aqui o site do evento.
Não fique de fora dessa!



Fonte: http://www.sbemmatogrosso.com.br/xiiienem/index.php 

sábado, 16 de fevereiro de 2019

#SextaDeLivros - SBEM




A Sociedade Brasileira de Educação Matemática -SBEM inaugurou a #SextaDeLivros, com obras de Educação Matemática que podem ser baixadas gratuitamente no site da sociedade. 
Para consultar a biblioteca, acesse o site da SBEM clicando aqui .
Dentre os livros que estão disponíveis, dois volumes tem a líder do GPEHM, profa. Dra. Ana Carolina, como autora:


Confira os outros títulos e enriqueça sua biblioteca de Ed. Matemática!















Fonte: Sociedade Brasileira de Educação Matemática.

terça-feira, 5 de fevereiro de 2019

Mais um número do BOCEHM disponível !!!


Acaba de ser publicado o novo número do Boletim Cearense de Educação e História da Matemática - BOCEHM
https://revistas.uece.br/index.php/BOCEHM/issue/view/5
Clique aqui para visualizar 


Lembrando que o BOCEHM é uma publicação quadrimestral do Grupo de Pesquisa em Educação e História da Matemática – GPEHM, que faz parte da Coordenação do Curso de Licenciatura em Matemática, vinculado ao Centro de Ciência e Tecnologias da UECE. O BOCEHM tem por objetivo tornar público artigos e Relatos de experiências resultantes de estudos e pesquisas que abordem temas da Educação Matemática e/ou suas relações com a História da Matemática.
Segue algumas informações:
  • Área do conhecimento: Educação
  • Ano de fundação: 2014
  • Título abreviado: BOCEHM 
  • E-mail: gpehm@uece.br
  • Unidade: CCT-UECE
  • Avaliação Capes (2013-2016): B3 - Ensino
Convidamos a todos para o envio de artigos e relatos de experiência ao BOCEHM.
O próximo número está previsto para ser publicado em agosto/2019, não fique de fora dessa!

Aula Inaugural da Licenciatura em Matematica/ IFCE-Caucaia

Nesta segunda-feira, 04, a professora Dra. Ana Carolina Costa Pereira, líder do GPEHM, esteve presente na aula inaugural do curso de licenciatura em Matemática do Instituto Federal de Educação, Ciência Tecnologia - Campus Caucaia.


Sob a coordenação do curso, a professora Joelma Nogueira fez o convite e promoveu o evento que reuniu professores para uma mesa redonda.


Olha só a cara de felicidade da nossa professora com o carinho do IFCE - Caucaia, que deu um brinde aos integrantes da mesa!
O GPEHM está sempre em busca de atualizar as conversas sobre a Educação Matemática no Ceará, e essa mesa redonda foi mais uma oportunidade de compartilhar os conhecimentos a respeito. 





terça-feira, 30 de outubro de 2018

Intercâmbio com o NUPHEM (UFRN/Natal)

Na última sexta-feira, 26, integrantes do GPEHM viajaram para Natal, em um intercâmbio com Núcleo de Pesquisa em História e Educação Matemática - NUPHEM.
Coordenado pela Profa. Dra. Bernadete Morey, o NUPEHM tem o objetivo realizar estudos e pesquisas que buscam a integração da História da Matemática na Educação Matemática assim como desenvolver metodologias de ensino de tópicos de Matemática integrados à História da Matemática.

Durante o encontro, a principal pauta foi o compartilhamento das pesquisas que estão sendo realizadas pelo GPEHM e pelo NUPHEM. Na reunião foi firmado um intercâmbio entres os dois grupos de pesquisa para o desenvolvimento de estudos, fazendo uma conexão com o foco que cada grupo está investigando.  

Para conhecer mais sobre o NUPHEM, acesse o site.



sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Nota Pública - SBEM


A Sociedade Brasileira de Educação Matemática (SBEM), cumprindo sua responsabilidade social como sociedade civil atuante na área de Educação, vem externar publicamente sua extrema preocupação com a alarmante escalada de ameaças à democracia, concretizadas pela apologia ao obscurantismo cultural e científico, à violência, à tortura e a todas as formas de intolerância. Os reais interesses escondidos nesses ataques são um projeto de país voltado para a concentração de renda e de direitos em pequenos grupos, com o desmonte da soberania nacional, com a precarização do trabalho e dos diretos – o que corresponde a um retrocesso que pretende destruir todas os avanços sociais, especialmente nos campos da Educação, da Saúde e dos Direitos Trabalhistas, conquistados a duras penas por todos os governos democráticos depois do fim da ditadura. Para que esse projeto de retrocesso tenha sucesso, será preciso, em especial, destruir a Educação em seu sentido mais amplo, como um pilar essencial da democracia; em detrimento de um modelo instrucional que só capacita seus egressos a ocupar posições sociais e de trabalho que não são escolhidas por eles próprios, e das quais eles podem nem mesmo estar plenamente cientes.

Sendo assim, a Sociedade Brasileira de Educação Matemática vem se pronunciar publicamente em uma posição veementemente contrária a qualquer proposta ou plataforma política que firam os princípios fundantes da democracia, do respeito e da incorporação da diversidade de raça, credo, gênero, orientação sexual, identidade de gênero; que cerceiem a liberdade de atuação profissional de professoras e professores, respeitados os princípios básicos da ética da profissão; a imposição de currículos baseados em pautas autoritárias, sem compromissos com a produção científica e cultural da humanidade; a escola como espaço de reflexão crítica e de produção de saberes.

Dada a gravidade das ameaças que se avizinham consideramos que no momento não cabem posições de neutralidade. Nas palavras de Paulo Freire, “Não existe educação neutra. Toda neutralidade afirmada é uma opção escondida.” Alinhamo-nos, sempre, com a opção pela Escola para a reflexão, criatividade, produção de saberes, autonomia e liberdade.


Fonte: http://www.sbembrasil.org.br/sbembrasil/index.php/noticias/837-nota-publica